Reunião em Limeira prepara ato em defesa do Ministério e Justiça do Trabalho

0
171

Por Andre Montanher

Uma reunião realizada nesta quarta-feira (30) em Limeira-SP, na sede do Stial (Sindicato dos Trabalhadores na Alimentação de Limeira e Região) definiu um ato que a USTL (União Sindical dos Trabalhadores de Limeira) realizará no dia 7 de fevereiro, em defesa do Ministério do Trabalho e da Justiça do Trabalho. A Delegacia Sindical do Sinait-SP esteve representada pela sua assessoria de imprensa.

O ato será na frente do Fórum Trabalhista de Limeira, às 9h30. Além dos representantes sindicais das categorias da Alimentação, Rodoviários, Construção Civil, Metalúrgicos, trabalhadores das Joias, dos Bares e Vigilantes, a reunião contou com a presença do gerente regional do Ministério do Trabalho de Piracicaba, Antenor Varolla.

O dirigente afirmou, às entidades sindicais, que a melhor defesa do Ministério do Trabalho no momento é a bandeira das nomeações técnicas para os cargos de direção. Citando o atual superintendente paulista, Marco Melchior, que é auditor fiscal de carreira, Varolla ressaltou que a composição técnica dos cargos diretivos ajudará a proteger a Inspeção do Trabalho, em meio a uma administração que pode se tornar adversa.

Ele também apresentou o novo organograma do Ministério do Trabalho aos sindicalistas, que demonstraram bastante preocupação com a manutenção das funções do órgão. O principal temor expresso foi com relação a possível interferência, empresarial ou política, nas fiscalizações.

Sobre o possível fim da Justiça do Trabalho, hipótese aventada por dirigentes do atual governo, os departamentos jurídicos dos sindicatos alertaram para prejuízos extremos aos trabalhadores. No ato do dia 7, os juízes do Trabalho devem participar, bem como representantes da OAB de Limeira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite seu nome